sexta-feira, 22 de abril de 2011

Resíduos de Publicidade




Resíduos colocados nas caixas de correspondências
   Já virou rotina a distribuição de panfletos de publicidade nas nossas residências, tanto nas caixas de correspondências como nas grades que cercam nossos terrenos, prática esta que muitas vezes não alcança o objetivo da divulgação, que devido a quantidade de panfletos que encontramos diariamente, não damos nenhuma atenção, pois estão gerando os resíduos e passando para nós a responsabilidade de fazer o destino final de um resíduo que não somos nós que geramos. Acredito eu que este sistema de divulgação seja o mais barato no mercado de publicidade, por isso que é o mais divulgado, mas que está causando indignação na população que muitas vezes estes panfletos ficam jogados nas ruas em frente as residências sem nenhuma preocupação com os impactos ambientais que causa para o meio ambiente, devido a quantidade de tinta que possui estes panfletos, que com a decomposição acabam poluindo os lençóis freáticos devido a quantidade de matais pesados que possuem estres resíduos. Pense nisso!



Pedrinho Batista
         Téc. Trat. de Resíduos
CRQ-1340308
                         contato@atitudecorreta.com.br

1 comentários:

Webm3 Agência Web disse...

NÃO POLÚA O MEIO-AMBIANTE, use a internet para fazer a divulgação de suas promoções....

Hoje é muito mais prático e barato enviar propaganda via e-mail do que fazer impressos gráficos, que são caros e ainda degradam a natureza porque utilizam papel não reciclado em sua confecção.

É preciso que as pessoas de uma forma geral entendam que a internet é uma ferramenta muito poderosa, e que pode nos ajudar de diversas formas, sendo esta uma delas, e aos chatos que acham que é 'o fim do mundo receber'um e-mail de propaganda que não pediram em sua caixa de entrada, só nos resta dizer
que deixem a rabugice de lado e começem a pensar como se realemente estivissem vivendo no ano de 2011, onde não há mais espaço para atitudes IRRESPONSÁVEIS como a de jogar papel nas ruas, produzindo lixo que certamente irá intupir bocas de lobo causando inundações e grandes prejuízos, inclusive para os que fizeram os tais impressos.


É preciso que haja uma mudança de atitude de empresas e consumidores, receber uma mensagem de propaganda em nossa caixa de entrada, mesmo que nào solicitada, NÃO É O FIM DO MUNDO, e nem mesmo pode ser considerada, hoje em dia, falta
de respeito, afinal, este é o propósito da internet, não o de ser um clubinho fechado como se pensava nos anos 60.

Panfleto em via pública e crime contra a natureza, contra nosso planeta e contra as futuras gerações.

Postar um comentário